quarta-feira, 17 de novembro de 2010

O Barquinho, o Mar e o Amor.

Meu barquinho de papel com a ajuda do vento me leve aonde for, e em nossa ultima viajem me levou a um lugar maravilhoso, com a mais bela vista já vista, onde me senti completamente avontade. Lá, o passado não causa dor -não há passado- e músicas não trazem nenhum tipo de lembrança. Realmente, um lugar maravilhoso. Alguém me espera por lá, alguém que me ama e mal consegue dormir ao sentir a brisa, aquela grande delinquente, que me segue e espalha meu cheiro pelo caminho antes mesmo de eu chegar, como se gritasse: Ela está vindo.

Enquanto era dia viajava tranquila, o barquinho se fez meu melhor amigo e confessei a ele todos meus motivos. Quando a lua chegou estava preparada também, havia um farol enorme e um cais bem à nossa frente. Seria sorte? Creio que não, meu barquinho era esperto, sabia o que fazia.

Com o tempo fiz outra amizade. Enquanto o frio aumentava durante as noites, era ela, a lua que me aquecia. Me contava histórias inéditas jamais imaginadas por mim, tão insegura e sem brilho. Como poderia imaginar que um dia saberia todos seus segredos? E o mais assustador: Como ela pode confiar eles a mim?

Foram dois meses assim, dois meses que passaram voando. Talvez o tempo tenha simpatizado comigo também, mas desgraçado fez tudo errado. Não deveria ter passado, o barquinho e a lua eram a mais perfeita companhia que eu poderia ter.

Finalmente, em minha última parada - nada comparado ao o cais da primeira noite ou ao calor de minha amiga lua - lá estava ele, o amor. Claro que quando disse que estava indo para algum lugar maravilhoso me referia a qualquer lugar que ele estivesse, não era óbvio? Larguei o barquinho ao mar e agora, sua única companhia é a lua. Nunca mais ouvi histórias antes de dormir e não lembro mais como é ter amigos.
Mais uma vez larguei tudo pelo amor. Mais uma vez.

16 de Novembro de 2010, era o que sentia.

5 comentários:

Ritchy disse...

qe liindo *O*
parabéns peelo blog !
beeijo e sucesso ;*

Anônimo disse...

Muito legal o seu blog.
Beijos :³

http://oiadolescentes.blogspot.com/

Karla Hack disse...

Tem um que de inocência este seu texto.. gostei!
Também achei ele muito bem escrito!

Ah.. o layout é bem prático e encantador!

;D

Ritchy disse...

adoro aqui :]
por isso, te indiquei ao Premio Dardos! passa lá no meu blog, e dá uma olhada ;]
beeijos ;*

- disse...

ótimo texto. Parabéns!