terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Prefiro livros a pessoas;

Assim como capas de livros, pessoas também enganam. É, as pessoas têm uma coisa que as páginas não possuem: vuneralidade! Pois, por mais que a história seja mal escrita, ela sempre será a mesma. As palavras que lá estão nunca irão mudar, serão sempre as mesmas gostem ou não. Já as pessoas, ah... essas sim, têm o poder de mudarem a toda hora, tão mesquinhas e influenciadas.

E é assim que explico minha preferência a livros.

3 comentários:

Meus momentos, minhas histórias. disse...

É verdade. A maioria das pessoas não possui a tão buscada personalidade! Fico feliz pelos elogios e a visita ao meu blog. Aqui está lindo!

Jones Barreto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jones Barreto disse...

Eu achei seu blog..Li as postagens anteriores e gostei muito! Mas, esta me chamou mais atenção... Achei interessante você preferir livros a pessoas. Mas, eu sou o contrário. Prefiro mais as pessoas. Por vários motivos. Afinal, são elas que criam os livros que lemos... São livros cujas histórias (reais ou imaginárias) são contadas por elas...pelas pessoas. Elas têm o poder de mudar. De transformar. Apesar de poderem causar o mal, a guerra, a miséria e muito das falsidades..São elas que me deixam mais felizes. Crítica a você?? Jamais! É isso que é legal de ver. Que as pessoas podem ser felizes mesmo sendo diferentes!
gostei da postagem!
;]